História de vida

terça-feira, 6 de agosto de 2013

Perdoado

Não pude lhe salvar desde o começo
Te amo tanto que dói em minha alma
Você pode me perdoar por tentar de novo?
Seu silêncio me faz prender o fôlego
O tempo lhe deixou para tras

Oh, por tanto tempo eu tentei lhe proteger do mundo
Oh, você não pôde enfrentar a liberdade por si próprio
Aqui estou abandonada no silêncio

Você desistiu da luta
Você me deixou para trás
Tudo o que foi feito está perdoado
Você sempre será meu
Eu sei lá no fundo
Tudo o que foi feito está perdoado

Olhei as nuvens se amontoarem
O sol ainda não pode aquecer meu rosto
Eu sei, isso foi destinado para dar errado
Você procurava pela melhor saída
Para espantar seus demônios

Oh, por tanto tempo eu tentei lhe proteger do mundo
Oh, você não pôde enfrentar a liberdade por si próprio
Aqui estou abandonada no silêncio

Você desistiu da luta
Você me deixou pra trás
Tudo o que foi feito está perdoado
Você sempre será meu
Eu sei lá no fundo
Tudo o que foi feito está perdoado

Estive tão perdida desde que você se foi
Por que não eu antes de você?
Por que o destino me enganou?
Tudo se tornou tão errado
Por que você me deixou no silêncio?

Você desistiu da luta
Você me deixou para trás
Tudo o que foi feito está perdoado
Você sempre será meu
Eu sei lá no fundo
Tudo o que foi feito está perdoado

Nenhum comentário: